Raquel Abrantes

My blogs

About me

Gender FEMALE
Industry Arts
Occupation Poeta, escritora e jornalista.
Introduction Vou deitando as letras no papel, acomodando-as em seus assentos, distribuídos segundo o destino originário do significado que pretendo transmitir.
Interests "Não, meu coração não é maior que o mundo. É muito menor. Nele não cabem nem as minhas dores. Por isso gosto tanto de me contar. Por isso me dispo, por isso me grito, por isso frequento os jornais, me exponho cruamente nas livrarias: preciso de todos. Sim, meu coração é muito pequeno. Só agora vejo que nele não cabem os homens." Carlos Drummond de Andrade
Favorite Movies Festa de Família, Sangue Negro, O Carteiro e o Poeta, Depois do Casamento (Susanne Bier), Whisky, O passado (Hector Babenco), O Escafandro e a Borboleta, Cães de Aluguel (Tarantino), Senhor dos Anéis, Matrix, Assassinos por Natureza, A professora de piano, O amante, Último tango em Paris, Laranja Mecânica (Kubrick), De olhos bem fechados, Lolita, Brilho eterno de uma mente sem lembranças, Carne trêmula (Almodóvar), Ata-me, Matador
Favorite Music John Coltrane, Miles Davis, Nina Simone, Billie Holiday, Amy Winehouse, Stevie Wonder, Joe Cocker, Eric Clapton, Led Zeppelin, Jimi Hendrix, Janis Joplin, Pink Floyd, Dave Matthews Band, Radiohead, Bob Marley, Raul Seixas, Cazuza, Chico Buarque, Roberto Carlos, Maria Bethânia
Favorite Books Terra Sonâmbula (Mia Couto), Adeus às Armas (Ernest Hemingway), Enquanto Agonizo (Willian Faulkner), O Som e a Fúria (Willian Faulkner), Cem anos de solidão (Gabriel García Márquez), O caderno rosa de Lori Lamby (Hilda Hilst), O Apanhador no Campo de Centeio (J.D. Salinger), Cem sonetos de amor (Pablo Neruda), Secreções, excreções e desatinos (Rubem Fonseca), A Via Crucis do Corpo (Clarice Lispector), Molloy (Samuel Beckett), Fernando Pessoa, [ dois em um ] (Alice Ruiz S), Misto-Quente (Charles Bukowski), Pergunte ao Pó (John Fante), Corpo (Carlos Drummond de Andrade), Paulo Leminski, Sentimento do Mundo (Carlos Drummond de Andrade), Ensaio sobre a Cegueira (José Saramago), Crime e Castigo (Fiodor Dostoiésvsky), A Queda (Albert Camus), O Homem Revoltado (Camus), Assim Falou Zaratustra (Friedrich Nietzsche), Uma aprendizagem ou o livro dos prazeres (Clarice Lispector), A Hora da Estrela (Clarice Lispector), A cor do invisível (Mario Quintana), Vinicius de Moraes.